Bom, como todo ano que chega ao fim 2010 chegou ao seu final também, porém podemos dizer que 2010 foi um pouquinho diferente, o mundo todo e todo o mundo, como todos os anos, tem motivos pra comemorar e pra chorar, porém 2010 foi o ano que o Brasil finalmente recebeu o destaque e o reconhecimento que merece dentro do contexto internacional, eu sei que para o Brasileiro o que mais mudou foi a sensação de que as coisas vão melhorar porém para a maioria essa melhora ainda esta apenas começando, lembrem-se que o que esta acontecendo no Brasil não se deve apenas à política, ou apenas ao setor industrial, ou a isso ou aquilo, é um conjunto de fatores que aliados ao fato de que aquela juventude que a alguns anos atrás eram apenas crianças sendo educadas pelos "baby boomers" hoje são os adultos gerenciando empresas, esses jovens adultos possuem uma visão a longo prazo e abrangente do mundo, e são essas pessoas que impulsionam a mudança, essas pessoas somos eu e vocês que a partir do momento que entendemos que a mudança começa em nós mesmos começamos a mudar nosso ambiente, em seguida as pessoas a nosso redor, depois a empresa onde trabalhamos e considerando o fator multiplicador, logo um bairro, depois a cidade, e em pouco tempo temos uma conscientização geral e mesmo que pareça pouco, juntos somos fortes o suficiente pra mudarmos a nação.

Por este motivo, desejo apenas que 2011 seja a continuação de 2010, que esse processo de conscientização e mudança não pare, e que o povo brasileiro no mundo inteiro lute pelo melhor, mas não pelo melhor pessoal, mas pelo melhor de todos porque apenas assim pode se alcançar desenvolvimento sustentável!

Feliz Ano Novo a todos e que venha 2011.

Amo vocês.
(Imagem da Duke Magazine com 1700 alunos de 2011 da escola Duke, juntos atingindo o que sozinhos não fariam.)


I just realized that I am a Redneck!!!!!

Redneckism- The ability to repair, modify, or perform a job without having the proper tools. A person of which is capable to do something with little knowledge of how something operates. The way one handles oneself on the abitity of general knowledge of performing any task with a case of beer and some friends.

(Soon new pics of Pamela!)

Bom,

Aqui vai a música de um grande amigo. Quando ouvi pela primeira vez o Pit me contou todo o motivo da letra, portanto a música se tornou bastante especial. Da última vez que estive no Brasa filmei o Pit tocando violão e cantando e o Vitinho no bongô porém o som ficou muito baixo, posto aqui depois.

Pra quem quiser, a página do pit é http://www.myspace.com/felipelafe, isso mesmo, Felipe Lafé é o nome do Pit.

Me Sinto Estranho.
Hoje me sinto tão estranho
Hoje não amo, nem odeio
Penso na guerra nas pessoas
Penso na minha ex namorada
Penso em tantas coisas
E não consigo sentir nada
Nada, nada, que me faça sentir
Nada que me faz sentir

A minha carne ja não sente
O toque carinhoso
A minha face já nem lembra
Aquele tapa violento
Estou dormente e não sinto nada
Nada, nada que me faça sentir
E nada que me faça sentir


Parece até meio estranho
Mas se hoje eu morrer
Não faria grande falta
Não pra mim, talvez para você
Não estarei aqui para sentir
Sentir ôôô
Sentir ôôô
Sentir

Texto enviado por alguém MUITO maravilhosa - Valeu Tata, te amo!

Nosso coração é uma casa onde ninguém entra e sai, com ou sem nossa permissão, sem deixar marcas nas paredes. Muitos deixam marcas profundas de felicidade; outros deixam cicatrizes que marcarão nossa vida para sempre. Os amigos deixam marcas fortes, mas suaves. E cada vez que tocamos nossa alma com nossas recordações lá estão os traços, invisíveis, mas legíveis, como as escrituras em Braile. É suficiente fechar os olhos para ver toda uma história gravada nas paredes do nosso ser. Nesses momentos nosso rosto sorri sozinho. Os amores perdidos deixam marcas irrecuperáveis: eles deixam um gosto doce e amargo ao mesmo tempo. Amargo na maioria das vezes. Sim, eles têm mais gosto que qualquer outra coisa e sempre sobem a nossa garganta quando as lembranças nos assaltam. Tristes são as marcas das dores que deixaram os que nos fizeram mal. São as cicatrizes que deformam nossas vidas se não aprendemos a conviver com elas. Mesmo se queremos ir adiante, de vez em quando nosso olhar se volta para esses rabiscos mal traçados e sentimos a dor tal e qual no primeiro dia. Quantas vezes não impedimos que alguém entre por causa de preconceitos ou idéias pré-concebidas, ou medo de tentar de novo uma nova relação. Ao primeiro olhar, nos trancamos. Outras vezes, sem muita consciência, deixamos entrar quem não valia muito a pena. Somos maus juízes porque confiamos demais nos nossos olhos e de menos no nosso coração. Devemos pedir a Deus que nos dê um pouco mais de dicernimento, pois agindo por nós mesmos, podemos estar nos trancando a maravilhosos encontros. De vez em quando, é preciso fazer uma boa faxina nessa casinha tão preciosa. É preciso polir carinhosamente, realçar as marcas bonitas e passar tinta nova e clara nas paredes; de vez em quando é bom abrir as janelas e deixar que o sol entre e ilumine todos os cômodos. E enfeitar com as janelas com flores de cores vivas e alegres. De vez em quando é mesmo muito importante achar o cantinho mais gostoso dessa casa e sentar-se nele. E rir do nada. E jogar os ressentimentos para bem longe. Sentir-se bem consigo. Se nosso coração é uma casa, faça do seu a casa dos seus sonhos. Lembre-se que não importa quantos entram e saem, você é o dono, só você é responsável. Faça mudanças necessárias. Jogue o inútil no lixo. Só não se esqueça, nessa mudança, de colocar de volta nas paredes essas marcas benditas que deixaram esses que foram bênçãos na sua vida. Dê a mão aos doces momentos, os momentos felizes. Tudo o mais é inútil, tudo o mais deve ficar pra trás.
Lethicia Thompson


Não estava afim de entrar pra discussão política e nem inspirado pra escrever algo todo meu, foi então que encontrei uma manchete do Estado de São Paulo!!!

Bom, caminhoneiros, motoqueiros, motoristas, e qualquer um que possua um carro, tomem cuidado, podem ser presos por atropelarem galinhas que cruzam estradas estaduais sem olhar para os dois lados, que não usam as passarelas ou que queiram intencionalmente se suicidar, basta ter uma promotora de justiça filha da XXXX como testemunha.

"O caminhoneiro Alexandre do Prado terá de se explicar à Justiça pelo atropelamento de duas galinhas. O acidente ocorreu na sexta-feira, 15, na rodovia RST-480, entre Erechim e São Valentim, no norte do Rio Grande do Sul, e foi testemunhado pela promotora Karina Denicol, que levou o caso à polícia e vai passá-lo a algum colega para oferecimento de transação penal.
O motorista alega que as aves correram repentinamente do acostamento para dentro da pista. Também explica que, diante das circunstâncias, reduziu a velocidade, mas não jogou o caminhão para o lado porque poderia tombá-lo. A promotora entende que o atropelamento foi proposital. Prado assinou um termo circunstanciado na delegacia e poderá se livrar do processo se, em audiência marcada para novembro, aceitar a transação penal. Nesse caso é possível que tenha de fazer uma doação a alguma entidade assistencial ou prestar algum trabalho comunitário."

Agora só pra não ficar de fora da discussão política, É TUDO CULPA DA DILMA!

Beijos e estou de volta.

There are few things pure in this world anymore, and home is one of the few
We'd have a drink outside maybe run and hide, if we saw a couple men in blue
But to me it's so damn easy to see that your people are the people at home
Well I been away but now I'm back today and there ain't a place I'd rather go

I feel home when I see the faces that remember my own
I feel home when I'm chillin outside with the people I know
I feel home, and that's just what I feel
Cause home, to me, is reality and all I need is something real

We're feeling alright headin out tonight maybe off to a dark driveway
I say now, some feel bored, and some are looking for more, but we all just decide to stay
We got nothing to do, but when I look at you I see something that I know and love
And with the crack of a smile we all stay awhile, we know from home their ain't nothin above

Well in the end, we can all call a friend, well that's something that I know as true
In a thousand years, and a thousand tears, I'll come finding my original crew
Cause to me throughout eternity there is somewhere we are welcome to go
I said it's something free that means a lot to me, when I'm with my friends I feel home

I feel home when I see the faces that remember my own
I feel home when I'm chillin outside with the people I know
I feel home, and that's just what I feel
Cause home, to me, is reality and all I need is something real
Home to me is reality and all I need is something real, I feel home

Nessa ZONA eleitoral que se encontra meu amado Brasil, apesar de ter MUITO o que dizer resolvi deixar apenas 2 frases:

Por favor não anule seu voto, independente de sua descisão eleitoral, a faça de forma consciente, vejo muita gente reclamando da situação em que se encontra mas na hora de votar desperdiça a chance que tem de fazer alguma diferença.

e nunca se esqueça:

Jabuti não sobe em árvore. Se ele está na árvore, alguém o colocou lá. (Ulisses Guimarães)

I believe this can be one of the most important and most scary videos of our lives, is divided in 8 parts but is really worth it!!!

I do believe that things are going to change and the future is not this much scary, but what if I am wrong????

 
Kahoe

Mais uma vez um super texto enviado por alguém MUITO especial, não sei de quem é a autoria mas explica o motivo pelo qual socialismo não funciona.

One more time an awesome post sent by a really special person, I do not know who wrote it but explain in an easy way why socialism will never work.


SIMPLES E MUITO BEM EXPLICADO....

Simple and very well explained....


Um professor de economia na Universidade Texas Tech disse que nunca reprovou um só aluno antes, mas tinha, uma vez, reprovado uma classe inteira.

An economy professor from Texas Tech said that never ever failed a student, but once he failed a whole class.

Esta classe em particular tinha insistido que o socialismo realmente funcionava: ninguém seria pobre e ninguém seria rico, tudo seria igualitário e 'justo. '

This particular class had insisted that socialism really work: no one would be poor and no one would be rich, everything would be equal and "fair".

O professor então disse:
Ok, vamos fazer um experimento socialista nesta classe.. Ao invés de dinheiro, usaremos suas notas nas provas. Todas as notas seriam concedidas com base na média da classe, e portanto seriam 'justas.

The professor than said:
OK, lets do an socialist experiment than. Instead of money, we will use grades. All grades would be based on the class average and by that would be "fair".

Com isso ele quis dizer que todos receberiam as mesmas notas, o que significou que ninguém seria reprovado. Isso também quis dizer, claro, que ninguém receberia um "A"...

By that he meant that everybody would get the same grade, no one would fail, but at the same time, no one would get an A...

Depois que a média das primeiras provas foram tiradas, todos receberam "B". Quem estudou com dedicação ficou indignado, mas os alunos que não se esforçaram ficaram muito felizes com o resultado.

After the first test everybody had a 'B'. The dedicated ones where mad, but the slackers were really happy with the results.

Quando a segunda prova foi aplicada, os preguiçosos estudaram ainda menos - eles esperavam tirar notas boas de qualquer forma. Aqueles que tinham estudado bastante no início resolveram que eles também se aproveitariam do trem da alegria das notas. Portanto, agindo contra suas tendências, eles copiaram os hábitos dos preguiçosos.. Como um resultado, a segunda média das provas foi "D". Ninguém gostou.

When the second test was applied, the slackers studied even less, they were expecting good grades anyhow. The dedicated ones decided to hop on the "good grades train" and, against their behavior, did not studied either. The result, everybody got a "D". The got all pissed.

Depois da terceira prova, a média geral foi um "F". As notas não voltaram a patamares mais altos mas as desavenças entre os alunos, buscas por culpados e palavrões passaram a fazer parte da atmosfera das aulas daquela classe. A busca por 'justiça' dos alunos tinha sido a principal causa das reclamações, inimizades e senso de injustiça que passaram a fazer parte daquela turma. No final das contas, ninguém queria mais estudar para beneficiar o resto da sala. Portanto, todos os alunos repetiram o ano... Para total surpresa !!!

After the 3rd test, the overall grade was an "F". The grades did not got higher, but the amount of fights between the students, chasing for someone to blame, swearing, it all became part of that class atmosphere. The student's chase for 'justice' was the main reason for the problems, enemies and sense of injustice were the everyday talk on class. In the end, no one wanted to study to beneficiate the rest of the class, for that reason they all failed that term, for everyone's surprise!!!

O professor explicou que o experimento socialista tinha falhado porque foi baseado no menor esforço possível da parte de seus participantes. Preguiça e mágoas foi seu resultado. Sempre haveria fracasso na situação a partir da qual o experimento tinha começado.

The professor explains that the socialist experiment had failed because was based on the least amount of dedication of the participants. Laziness and soreness was the result. There will be always failure on this kind of experiment.

"Quando a recompensa é grande", ele disse, "o esforço pelo sucesso é grande, pelo menos para alguns de nós. Mas quando o governo elimina todas as recompensas ao tirar coisas dos outros sem seu consentimento para dar a outros que não batalharam por elas, então o fracasso é inevitável."

"When the reward is big", he said, "the dedication for the success is also big, at least for most of us, but when the government eliminates all the rewards by taking things without asking to give to those who did not work for it, failure is inevitable."

*************************

"É impossível levar o pobre à prosperidade através de legislações que punem os ricos pela prosperidade. Cada pessoa que recebe sem trabalhar, outra pessoa deve trabalhar sem receber. O governo não pode dar para alguém aquilo que não tira de outro alguém. Quando metade da população entende a idéia de que não precisa trabalhar, pois a outra metade da população irá sustentá-la, e quando esta outra metade entende que não vale mais a pena trabalhar para sustentar a primeira metade, então chegamos ao começo do fim de uma nação. É impossível multiplicar riqueza dividindo-a."

"It is impossible to make the poor prosper through the kind of legislation that punish the rich for being prosper. Every person that receives without working for it, another one has to work without receiving. Government cannot give to someone without taking from somebody. When half of the population understand that they do not need to work because the other half will take care of then and the other half understand that is not worth to work to take care of the others is the beginning of the end of a nation. Is impossible to multiply dividing it."


Brick By Boring Brick - Paramore
Crazy video, cool lyrics, awesome tune.


She lives in a fairy tale
Somewhere too far for us to find
Forgotten the taste and smell
Of the world that she's left behind
It's all about the exposure the lens I told her
The angles were all wrong now
She's ripping wings off of butterflies
keep your feet on the ground
when your head's in the clouds
Well go get your shovel
And we'll dig a deep hole
To bury the castle, bury the castle
Well go get your shovel
And we'll dig a deep hole
To bury the castle, bury the castle
Ba da ba ba da ba ba da
So one day he found her crying
Coiled up on the dirty ground
Her prince finally came to save her
And the rest you can figure out
But it was a trick
And the clock struck twelve
Well make sure to build your home brick by boring brick
or the wolf's gonna blow it down
keep your feet on the ground
when your head's in the clouds
Well go get your shovel
And we'll dig a deep hole
To bury the castle, bury the castle
Well you built up a world of magic
Because your real life is tragic
Yeah you built up a world of magic
If it's not real
You can't hold it in your hand
You can't feel it with your heart
And I won't believe it
But if it's true
You can see it with your eyes
Oh even in the dark
And that's where I want to be, yeah
Go get your shovel
We'll dig a deep hole
To bury the castle, bury the castle
Well go get your shovel
and we'll dig a deep hole
To bury the castle, bury the castle
Guys x2:
ba da ba ba da ba ba da......
Hayley x2:
ba da ba ba da ba ba da.....


Such a great song!!! Just listen to the Cello and the violin and you will understand.

Música maravilhosa!! Ouça o Violoncelo e o violino que você vai entender.

Link for the video: http://www.youtube.com/watch?v=KK0wz89lZ6I

I need another story
Something to get off my chest
My life gets kinda boring
Need something that I can confess
'Til all my sleeves are stained red

From all the truth that I've said
Come by it honestly I swear
Thought you saw me wink, no
I've been on the brink, so

Tell me what you want to hear
Something that will light those ears
Sick of all the insincere
I'm gonna give all my secrets away

This time, don't need another perfect line
Don't care if critics never jump in line
I'm gonna give all my secrets away

My God, amazing how we got this far
It's like we're chasing all those stars
Who's driving shiny big black cars
And everyday I see the news
All the problems that we could solve

And when a situation rises
Just write it into an album
Singing straight, too cold
I don't really like my flow, no, so

Tell me what you want to hear
Something that will light those ears
Sick of all the insincere
I'm gonna give all my secrets away

This time, don't need another perfect line
Don't care if critics never jump in line
I'm gonna give all my secrets away

Oh, got no reason, got not shame
Got no family I can blame
Just don't let me disappear
I'm 'a tell you everything

So tell me what you want to hear
Something that will light those ears
Sick of all the insincere
So I'm gonna give all my secrets away

This time, don't need another perfect line
Don't care if critics never jump in line
I'm gonna give all my secrets away

So tell me what you want to hear
Something that will light those ears
Sick of all the insincere
So I'm gonna give all my secrets away

This time, don't need another perfect line
Don't care if critics never jump in line
I'm gonna give all my secrets away
All my secrets away, all my secrets away

Funny the way it is
Dave Mathews Band

Video: http://www.youtube.com/watch?v=R0GY7B2K7-s

Lying in the park on a beautiful day
Sunshine in the grass, and the children play
Siren's passing, fire engine red
Someone's house is burning down on a day like this

The evening comes and we're hanging out
On the front step and a car rolls by with the windows rolled down
And that war song is playing, "why can't we be friends?"
Someone is screaming and crying in the apartment upstairs

Funny the way it is, if you think about it
Somebody's going hungry and someone else is eating out
Funny the way it is, not right or wrong
Somebody's heart is broken and it becomes your favorite song

The way your mouth feels in your lovers kiss
Like a pretty bird on a breeze or water to a fish
A bomb blast brings a building crashing to the floor
You hear the laughter while the children play war

Funny the way it is, if you think about it
One kid walks 10 miles to school, another's dropping out
Funny the way it is, not right or wrong
On a soldier's last breath his baby's being born

Standing on a bridge, watch the water passing under me
It must've been much harder when there was no bridge just water
Now the world is small, remember how it used to be
With mountains and oceans and winters and rivers and stars

Watch the sky, the jet planes, so far out of my reach
Is there someone up there looking down on me?
Boy chase a bird, so close but every time
He'll never catch her, but he can't stop trying

Funny the way it is, if you think about it
One kid walks 10 miles to school, another's dropping out
Funny the way it is, not right or wrong
On a soldier's last breath his baby's being born
Funny the way it is, not right or wrong
Somebody's broken heart becomes your favorite song
Funny the way it is, if you think about it
A kid walks 10 miles to school, another's dropping out

Standing on a bridge, watch the water passing under me
It must've been much harder when there was no bridge just water
Now the world is small, remember how it used to be
With mountains and oceans and winters and rivers and stars.

Não costumo discutir política, e o texto que se segue não foi escrito por mim e nem concordo ou discordo da opinião de Rodrigo Constantino, porém, acredito sim, que anular seu voto é uma forma de "lavar as mãos", de não assumir responsabilidade, de não participar. Gostaria de lembrar que ser cumplice de um crime não significa puxar o gatilho. Portanto, por mais que você diga, não votei nesse ou naquele, a responsabilidade pela sociedade e o futuro de seu país estarão, também, em suas mãos, quer você goste ou não.

Deveríamos ser pessoas mais conscientes de nossas responsabilidades e parar de "procurar culpados", a partir do momento que realizarmos que somos TODOS culpados e TODOS responsáveis, as coisas vão começar a mudar. Todos fazemos parte de um grande grupo onde dividimos as responsabilidades igualmente, mais uma vez, não é uma questão de escolha.

Se quiser algo melhor do que esta disponível hoje, corra atrás, no MÍNIMO você poderá chegar no final e dizer que não fazia parte da maioria que simplesmente desistiu de lutar.

Kahoe

["O maior castigo para aqueles que não se interessam por política, é que
serão governados pelos que se interessam."
]-Arnold Toynbee-
A escolha de Sofia é a história de uma mãe judia no campo de concentração nazista de Auschwitz, que é forçada por um soldado alemão a escolher entre o filho e a filha - qual será executado e qual será poupado.
Se ela se recusasse a escolher, os dois seriam mortos. Ela escolhe o menino, que é mais forte e tem mais chances de sobreviver, porém nunca mais tem
notícias dele.

A questão é tão terrível que o título se converteu em sinônimo de decisão quase impossível de ser tomada.

Envio para vocês um artigo escrito em final de 2009 pelo economista Rodrigo Constantino.  Autor de 5 livros.  Escreve a coluna "Eu e Investimentos" do jornal Valor Econômico. É também colunista do jornal O Globo.  Membro-fundador do Instituto Millenium. Vencedor do prêmio Libertas em 2009, no XII Forum da Liberdade. Seu curriculum vai muito além, é extenso e respeitável.
Segue seu artigo:

" Serra ou Dilma? A Escolha de Sofia."

(por Rodrigo Constantino )

Tudo que é preciso para o triunfo do mal é que as pessoas de bem nada façam (Edmund Burke)

Agora praticamente é oficial: José Serra e Dilma Rousseff são as duas opções viáveis nas próximas eleições. Em quem votar? Esse é um artigo que eu não gostaria de ter que escrever, mas me sinto na obrigação de fazê-lo.

Os antigos atenienses tinham razão ao dizerem que assumir qualquer lado é melhor do que não assumir nenhum?

Mas existem momentos tão delicados e extremos, onde o que resta das liberdades individuais está pendurado por um fio, que talvez essa postura
idealista e de longo prazo não seja razoável. Será que não valeria a pena ter fechado o nariz e eliminado o Partido dos Trabalhadores Nacional - Socialista em 1933 na Alemanha, antes que Hitler pudesse chegar ao poder? Será que o fim de eliminar Hugo Chávez justificaria o meio deplorável de eleger um candidato horrível, mas menos louco e autoritário? São questões filosóficas complexas. Confesso ficar angustiado quando penso nisso.

Voltando à realidade brasileira, temos um verdadeiro monopólio da esquerda na política nacional. PT e PSDB cada vez mais se parecem. Mas existem
algumas diferenças importantes também. O PT tem mais ranço ideológico, mais sede pelo poder absoluto, mais disposição para adotar quaisquer meios os mais abjetos para tal meta. O PSDB parece ter mais limites éticos quanto a isso O PT associou-se aos mais nefastos ditadores, defende abertamente grupos terroristas, carrega em seu âmago o DNA socialista. O PSDB não chega a tanto.

Além disso, há um fator relevante de curto prazo: o governo Lula aparelhou a máquina estatal toda, desde os três poderes, passando pelo Itamaraty, STF,
Polícia Federal, as ONGs, as estatais, as agências reguladoras, tudo! O projeto de poder do PT é aquele seguido por Chávez na Venezuela, Evo Morales na Bolívia, Rafael Correa no Equador, enfim, todos os comparsas do Foro de São Paulo . Se o avanço rumo ao socialismo não foi maior no Brasil, isso se deve aos freios nstitucionais, mais sólidos aqui, e não ao desejo do próprio governo. A simbiose entre Estado e governo na gestão Lula foi enorme. O estrago será duradouro. Mas quanto antes for abortado, melhor será: haverá menos sofrimento no processo de ajuste.

Justamente por isso acredito que os liberais devem olhar para este aspecto fundamental, e ignorar um pouco as semelhanças entre Serra e Dilma. Uma
continuação da gestão petista através de Dilma é um tiro certo rumo ao pior.
Dilma é tão autoritária ou mais que Serra, com o agravante de ter sido uma terrorista na juventude comunista, lutando não contra a ditadura, mas sim
por outra ainda pior, aquela existente em Cuba ainda hoje. Ela nunca se arrependeu de seu passado vergonhoso; pelo contrário, sente orgulho. Seu grupo Colina planejou diversos assaltos. Como anular o voto sabendo que esta senhora poderá ser nossa próxima presidente?! Como virar a cara sabendo que isso pode significar passos mais acelerados em direção ao socialismo bolivariano?

Entendo que para os defensores da liberdade individual, escolher entre Dilma e Serra é como uma escolha de Sofia.
Anular o voto, desta vez, pode significar o triunfo definitivo do mal. Em vez de soco na cara ou no estômago, podemos acabar com um tiro na nuca.

Dito isso, assumo que votarei em Serra, Meu voto é anti-PT acima de qualquer coisa. Meu voto é contra o Lula, contra o Chávez, que já declarou abertamente apoio a Dilma. Meu voto não é a favor de Serra. E, no dia seguinte da eleição, já serei um crítico tão duro ao governo Serra como sou hoje ao governo Lula. Mas, antes é preciso retirar a corja que está no poder
. Antes é preciso desarmar a quadrilha que tomou conta de Brasília. Só o desaparelhamento de petistas do Estado já seria um ganho para a liberdade, ainda que momentâneo.

Respeito meus colegas liberais que discordam de mim e pretendem anular o voto. Mas espero ter sido convicente de que o momento pede um pacto
temporário com a barbárie, como única chance de salvar o que resta da civilização - o que não é muito, mas é o que hoje devemos e podemos fazer!

A dog has no use for fancy cars, big homes, or designer clothes. A water log stick will do just fine. A dog doesn't care if your rich or poor, educated or illiterate, clever or dull, smart or dumb. Give him your heart and he'll give you his. How many people can you say that about? How many people can make you feel rare, and pure, and special? How many people can make you feel extraordinary?

Um Cão não vê utilidade pra carros finos, casas grandes, roupas de marca. Um toco de madeira já é o suficiente. Um Cão não se importa se você é rico ou pobre, culto ou ignorante, esperto ou bobo, inteligente ou estúpido. Dê a ele seu coração e ele te dará o dele. De quantas pessoas você pode dizer o mesmo? Quantas pessoas conseguem fazer você se sentir raro, e puro, e especial? Quantas pessoas conseguem fazer você se sentir extraordinário?

John Grogan (Marley & Me - Marley e Eu)

Não sei se realmente foi escrito por Luis Fernando Veríssimo e nem concordo com todo o texto, mas isso não faz o texto menos interessante! Abraços.

Sabem por que Romeu e Julieta são ícones do amor? São falados e lembrados, atravessaram os séculos incólumes no tempo, se instalando no mundo de hoje como casal modelo de amor eterno?

Porque morreram e não tiveram tempo de passar pelas adversidades que os relacionamentos estão sujeitos pela vida afora. Senão provavelmente Romeu estaria hoje com a Manoela e Julieta com o Ricardão.

Romeu nunca traiu a Julieta numa balada com uma loira linda e siliconada motivado pelo impulso do álcool.

Julieta nunca ficou 5 horas seguidas esperando Romeu, fumando um cigarro atrás do outro, ligando incessantemente para o celular dele que estava desligado.

Romeu não disse para Julieta que a amava, que ela especial e depois sumiu por semanas. Julieta não teve a oportunidade de mostrar para ele o quanto ficava insuportável na TPM.

Romeu não saia sexta feira a noite para jogar futebol com os amigos e só voltava as 6:00 horas da manhã bêbado e com um sutiã perdido no meio da jaqueta que não era da Julieta).

Julieta não teve filhos, engordou, ficou cheia de estrias e celulite e histérica com muita coisa para fazer.

Romeu não disse para Julieta que precisava de um tempo, que estava confuso, querendo na verdade curtir a vida e que ainda era muito novo para se envolver definitivamente com alguém. Julieta não tinha um ex-namorado em quem ela sempre pensava ficando por horas distantes, deixando Romeu com a pulga atrás da orelha.

Romeu nunca deixou de mandar flores para Julieta no dia dos namorados alegando estar sem dinheiro. Julieta nunca tomou um porre fenomenal e num momento de descontrole bateu na cara do Romeu no meio de um bar lotado.

Romeu nunca duvidou da virgindade da Julieta. Julieta nunca ficou com o melhor amigo de Romeu.

Romeu nunca foi numa despedida de solteiro com os amigos num prostíbulo.

Julieta nunca teve uma crise de ciúme achando que Romeu estava dando mole para uma amiga dela.

Romeu nunca disse para Julieta que na verdade só queria sexo e não um relacionamento sério, ela deve ter confundido as coisas. Julieta nunca cortou dois dedos de cabelo e depois teve uma crise porque Romeu não percebeu a mudança.

Romeu não tinha uma ex-mulher que infernizava a vida da Julieta.

Julieta nunca disse que estava com dor de cabeça e virou para o lado e dormiu.

Romeu nunca chegou para buscar a Julieta com uma camisa xadrez horrível de manga curta e um sapato para lá de ultrapassado, deixando-a sem saber onde enfiar a cara de vergonha...

Por essas e por outras que eles morreram se amando...

Musica muito especial, espero que esse dia chegue logo, assistam o video no link e sigam com a letra!


sometimes I lay
under the moon
and thank God I'm breathing
then I pray
don't take me soon
cause I am here for a reason

sometimes in my tears I drown
but I never let it get me down
so when negativity surrounds
I know some day it'll all turn around
because

all my life I've been waiting for
I've been praying for
for the people to say
that we don't wanna fight no more
they'll be no more wars
and our children will play
one day x6

it's not about
win or lose
we all lose
when they feed on the souls of the innocent
blood drenched pavement
keep on moving though the waters stay raging
in this maze you can lose your way (your way)
it might drive you crazy but don't let it faze you no way (no way)

sometimes in my tears I drown
but I never let it get me down
so when negativity surrounds
I know some day it'll all turn around
because

all my life I've been waiting for
I've been praying for
for the people to say
that we don't wanna fight no more
they'll be no more wars
and our children will play
one day x6

one day this all will change
treat people the same
stop with the violence
down with the hate
one day we'll all be free
and proud to be
under the same sun
singing songs of freedom like
one day x4

all my life I've been waiting for
I've been praying for
for the people to say
that we don't wanna fight no more
they'll be no more wars
and our children will play
one day x6


Escrito por Jorge Luis Borges.

Não posso dar-te soluções
Para todos os problemas da vida,
Nem tenho resposta
Para as tuas dúvidas ou temores,
Mas posso ouvir-te
E compartilhar contigo.

Não posso mudar
O teu passado nem o teu futuro.
Mas quando necessitares de mim
Estarei junto a ti.

Não posso evitar que tropeces,
Somente posso oferecer-te a minha mão
Para que te sustentes e não caias.

As tuas alegrias
Os teus triunfos e os teus êxitos
Não são os meus,
Mas desfruto sinceramente
Quando te vejo feliz.

Não julgo as decisões
Que tomas na vida,
Limito-me a apoiar-te,
A estimular-te
E a ajudar-te sem que me peças.

Não posso traçar-te limites
Dentro dos quais deves atuar,
Mas sim, oferecer-te o espaço
Necessário para cresceres.

Não posso evitar o teu sofrimento
Quando alguma mágoa
Te parte o coração,
Mas posso chorar contigo
E recolher os pedaços
Para armá-los novamente.

Não posso decidir quem foste
Nem quem deverás ser,
Somente posso
Amar-te como és
E ser teu amigo.

Todos os dias, penso
Nos meus amigos e amigas,
Não estás acima,
Nem abaixo nem no meio,
Não encabeças
Nem concluís a lista.
Não és o número um
Nem o número final.

E tão pouco tenho
A pretensão de ser
O primeiro
O segundo
Ou o terceiro
Da tua lista.
Basta que me queiras como amigo

Dormir feliz.
Emanar vibrações de amor.
Saber que estamos aqui de passagem.
Melhorar as relações.
Aproveitar as oportunidades.
Escutar o coração.
Acreditar na vida.

Obrigado por seres meu amigo.

Recebi essa mensagem através de uma pessoa maravilhosa que eu amo demais!

Bunda Dura, Pra Quê?


melhor você ter uma mulher engraçada do que linda, que sempre te acompanha nas festas, adora uma cerveja, gosta de futebol, prefere andar de chinelo e vestidinho, ou então calça jeans desbotada e camiseta básica, faz academia quando dá, come carne, é simpática, não liga pra grana, só quer uma vida tranqüila e saudável, é desencanada e adora dar risada.
Do que ter uma mulher perfeitinha, que não curte nada se veste feito um manequim de vitrine, nunca toma porre e só sabe contar até quinze, que é até onde chega a seqüência de bíceps e tríceps.
Legal mesmo é mulher de verdade. E daí se ela tem celulite?
O senso de humor compensa. Pode ter uns quilinhos a mais, mas é uma ótima companheira. Pode até ser meio mal educada quando você larga a cueca no meio da sala, mas e daí? Porque celulite, gordurinhas e desorganização têm solução. Mas ainda não criaram um remédio pra FUTILIDADE!!"
"E não se esqueça….
Mulher bonita demais e melancia grande, ninguém come sozinho!!!!!"
Autor: Arnaldo Jabor

It is 318 corners in 11 miles or 17.6 kilometers, this means 29 corners for every mile or 18 corners for every kilometer!!!!!!

This is what you have to be worried about:

This is how we should ride - Good tune also!

More info on this amazing place:
http://www.tailofthedragon.com/

So, again, when are we going?????


A couple of people are seen here and there.
Other than that, the shore is completely bare.
The sand feels pleasantly cool under the feet.
It hasn't yet picked up the sun's dreaded heat.
There's the cawing of the pelicans and seagulls.
The sounds of passing motorists have their lulls.
The pale mist over the ocean is fading away,
giving way to a clear, sunny day.

Entrevistas com Alberto Saraiva, fundador e CEO do Habib's, maior varejo alimentício de capital nacional do Brasil, Segundo maior Varejo alimentício do Brasil e Maior rede de fast food árabe do mundo. Empresa com 22 anos de existência que começou do zero e hoje possui faturamento anual de cerca de 1.3 bilhão. vende em média 650 milhões de esfihas ao ano em 305 lojas, são 5800 esfihas por dia em cada loja!

Personagem muitissimo interessante, vale a pena dar uma olhada!



Lets say that this post has an informative character and I am going to wait for anybody to comment before I actually say what I think!

Vamos dizer que esse post tem caráter meramente informativo, vou aguardar comentários antes de dar a minha opinião do assunto!

It's the World's Strongest, Most Expensive Beer -- Inside a Squirrel 

É a cerveja mais forte e mais cara do mundo, e vem dentro de um esquilo!


Our old buddies BrewDog have done it again. Not content with winning back the "strongest beer in the world" title last February with its Sink the Bismarck!, they've now upped their game with a new brew that is 55 percent alcohol by volume and carries a $765 price tag. It's called The End of History.

A galera da Brewdog, mais uma vez, não contentes com o fato de já possuirem o título de "cerveja mais forte do mundo" com a "Afunde o Bismarck!", acabaram de lançar uma nova cerveja que contém 55% de álcool (a média alcoólica de cervejas em geral é entre 5 e 7%, critério de comparação, vodka possui 40% de álcool) e custa cerca de 1300 reais. Seu nome "O Fim da História"

Oh, and did we mention that the bottles come in stuffed animals-like stuffed animals that were once alive? The 12 bottles have been made featuring seven dead stoats (a kind of weasel), four squirrels and one rabbit. James Watt, one of the two guys behind BrewDog, put it better than we ever could: "The impact of The End of History is a perfect conceptual marriage between taxidermy, art and craft brewing." Just like we've all been waiting for!

Oh, e esqueci de comentar, as garrafas vem em animais empalhados, isso aqueles bichinhos que um dia estavam vivinhos! São 12 garrafas, sete mustelídeos (um tipo de fuinha), quatro esquilos e uma lebre. James watt, um dos dois donos da Brewdog explica da melhor forma possível: "O impact do "O Fim da História" é o casamento perfeito entre taxidermia, art e cervejaria."exatamente como todos nós esperávamos!

For those interested in the actual beer, it's a blond Belgian ale with touches of nettles and juniper berries -- and in order to achieve the brain-blasting alcohol content, it had to be created using extreme freezing techniques.

Para aqueles atualmente interessados na cerveja, é uma Ale Belga com um toque de urtiga e baga de zimbro, para alcançar o expressivo conteúdo alcoólico, a cerveja é criada usando técnicas extremamente frias.


Text adapted from asylum.com and terra.com - Thank you

De Aldo Novak

Pense em alguém que seja poderoso. Essa pessoa briga e grita como uma galinha, ou olha e silencia, como um lobo? Lobos não gritam. 
Eles têm a aura de força e poder. Observam em silêncio. Somente os poderosos, sejam lobos, homens ou mulheres, respondem a um ataque verbal com o silêncio. 
Além disso, quem evita dizer tudo o que tem vontade, raramente se arrepende por magoar alguém com palavras ásperas e impensadas. Exatamente por isso, o primeiro e mais óbvio sinal de poder sobre si mesmo é o silêncio em momentos críticos. Se você está em silêncio, olhando para o problema, mostra que está pensando, sem tempo para debates fúteis. Se for uma discussão que já deixou o terreno da razão, quem silencia mostra que já venceu, mesmo quando o outro lado insiste em gritar a sua derrota. 
Olhe. Sorria. Silencie. Vá em frente. Lembre-se de que há momentos de falar e há momentos de silenciar. 
Escolha qual desses momentos é o correto, mesmo que tenha que se esforçar para isso. Por alguma razão, provavelmente cultural, somos treinados para a (falsa) idéia de que somos obrigados a responder a todas as perguntas e reagir a todos os ataques. Não é verdade! 
Você responde somente ao que quer responder e reage somente ao que quer reagir.  
Você nem mesmo é obrigado a atender seu telefone pessoal. Falar é uma escolha, não uma exigência, por mais que assim o pareça. Você pode escolher o silêncio. Além disso, você não terá que se arrepender por coisas ditas em momentos impensados, como defendeu Xenócrates, há mais de trezentos anos antes de Cristo, ao afirmar: "ME ARREPENDO DE COISAS QUE DISSE, MAS JAMAIS DO MEU SILÊNCIO". Responda com o silêncio, quando for necessário. 
Use sorrisos, não sorrisos sarcásticos, mas reais. Use o olhar, use um abraço ou use qualquer outra coisa para não responder em alguns momentos. Você verá que o silêncio pode ser a mais poderosa das respostas. E, no momento certo, a mais compreensiva e real delas.

Since I got my first job every chance that I had to travel was insanely used and most of the time by myself. Here is a few tips that even if they are not mine it really make a lot of sense and is really the way I always focus my way of traveling.  I can proudly say that I had great experiences, been to awesome unknown places and made good friends on the process.

1. Avoid museums. This might seem to be absurd advice, but let's just think about it a little: if you are in a foreign city, isn't it far more interesting to go in search of the present than of the past? It's just that people feel obliged to go to museums because they learned as children that travelling was about seeking out that kind of culture. Obviously museums are important, but they require time and objectivity – you need to know what you want to see there, otherwise you will leave with a sense of having seen a few really fundamental things, except that you can't remember what they were.

2. Hang out in bars. Bars are the places where life in the city reveals itself, not in museums. By bars I don't mean nightclubs, but the places where ordinary people go, have a drink, ponder the weather, and are always ready for a chat. Buy a newspaper and enjoy the ebb and flow of people. If someone strikes up a conversation, however silly, join in: you cannot judge the beauty of a particular path just by looking at the gate.

3. Be open. The best tour guide is someone who lives in the place, knows everything about it, is proud of his or her city, but does not work for an agency. Go out into the street, choose the person you want to talk to, and ask them something (Where is the cathedral? Where is the post office?). If nothing comes of it, try someone else – I guarantee that at the end of the day you will have found yourself an excellent companion.

4. Try to travel alone or – if you are married – with your spouse. It will be harder work, no one will be there taking care of you, but only in this way can you truly leave your own country behind. Travelling with a group is a way of being in a foreign country while speaking your mother tongue, doing whatever the leader of the flock tells you to do, and taking more interest in group gossip than in the place you are visiting.

5. Don't compare.
Don't compare anything – prices, standards of hygiene, quality of life, means of transport, nothing! You are not travelling in order to prove that you have a better life than other people – your aim is to find out how other people live, what they can teach you, how they deal with reality and with the extraordinary.

6. Understand that everyone understands you. Even if you don't speak the language, don't be afraid: I've been in lots of places where I could not communicate with words at all, and I always found support, guidance, useful advice, and even girlfriends. Some people think that if they travel alone, they will set off down the street and be lost forever. Just make sure you have the hotel card in your pocket and – if the worst comes to the worst – flag down a taxi and show the card to the driver.

7. Don't buy too much.
Spend your money on things you won't need to carry: tickets to a good play, restaurants, trips. Nowadays, with the global economy and the Internet, you can buy anything you want without having to pay excess baggage.

8. Don't try to see the world in a month. It is far better to stay in a city for four or five days than to visit five cities in a week. A city is like a capricious woman (or a capricious man, if you are a woman): she/he takes time to be seduced and to reveal him/herself completely.

9. A journey is an adventure. Henry Miller used to say that it is far more important to discover a church that no one else has ever heard of than to go to Rome and feel obliged to visit the Sistine Chapel with two hundred thousand other tourists bellowing in your ear. By all means go to the Sistine Chapel, but wander the streets too, explore alleyways, experience the freedom of looking for something – quite what you don't know – but which, if you find it, will – you can be sure – change your life.
 
The text was taken from Paulo Coelho's blog and his book "Like a flowing river"

Desde que consegui meu primeiro emprego todas as chances que tive de viajar foram insanamente aproveitadas, e na maioria das vezes sozinho. Aqui vai algumas dicas que mesmo não sendo minhas, fazem todo sentido e é realmente a forma como foquei a maioria das minhas viagens. Eu posso dizer, com orgulho, que tive ótimas experiências, estive em lugares maravilhosos e pouco conhecidos, e fiz diversos amigos nesse processo.

1] Evite os museus. O conselho pode parecer absudo, mas vamos refletir um pouco juntos: se voce está numa cidade estrangeira, não é muito mais interessante ir em busca do presente que do passado? Acontece que as pessoas sentem-se obrigadas a ir a museus, porque aprenderam desde pequeninas que viajar é buscar este tipo de cultura. É claro que museus são importantes, mas exigem tempo e objetividade – voce precisa saber o que deseja ver ali, ou vai sair com a impressão de que viu uma porção de coisas fundamentais para a sua vida, mas não se lembra quais são.

2] Frequente os bares.
Ali, ao contrário dos museus, a vida da cidade se manifesta. Bares não são discotecas, mas lugares onde o povo vai, toma algo, pensa no tempo, e está sempre disposto a uma conversa. Compre um jornal e deixe-se ficar contemplando o entra-e-sai. Se alguém puxar assunto, por mais bobo que seja, engate a conversa: não se pode julgar a beleza de um caminho olhando apenas sua porta.

3] Esteja disponível. O melhor guia de turismo é alguém que mora no lugar, conhece tudo, tem orgulho de sua cidade, mas não trabalha em uma agência. Saia pela rua, escolha a pessoa com quem deseja conversar, e peça informações (onde fica tal catedral? Onde estão os Correios?) Se nao der resultado, tente outra – garanto que no final do dia irá encontrar uma excelente companhia.

4] Procure viajar sózinho, ou – ser for casado – com seu conjuge.
Vai dar mais trabalho, ninguém vai estar cuidando de voce(s), mas só desta maneira poderá realmente sair do seu país. As viagens em grupo são uma maneira disfarçada de estar numa terra estrangeira, mas falando a sua língua natal, obedecendo o que manda o chefe do rebanho, preocupando-se mais com as fofocas do grupo do que com o lugar que se está visitando.

5] Não compare
. Não compare nada – nem preços, nem limpeza, nem qualidade de vida, nem meio de transportes, nada! Voce não está viajando para provar que vive melhor que os outros – sua procura, na verdade, é saber como os outros vivem, o que podem ensinar, como se enfrentam com a realidade e com o extraordinário da vida.

6] Entenda que todo mundo lhe entende
. Mesmo que nao fale a lingua, nao tenha medo: já estive em muitos lugares onde nao havia maneira de me comunicar através de palavras, e terminei sempre encontrando apoio, orientação, sugestões importantes, e até mesmo namoradas. Algumas pessoas acham que, se viajarem sózihas, vão sair na rua e se perder para sempre. Basta ter o cartão do hotel no bolso, e – numa situação estrema – tomar um táxi e mostra-lo ao motorista.

7] Não compre muito. Gaste seu dinheiro com coisas que nao vai precisar carregar: boas peças de teatro, restaurantes, passeios. Hoje em dia, com o mercado global e a Internet, voce pode ter tudo sem precisar pagar excesso de peso.

8] Não tente ver o mundo em um mes. Mais vale ficar numa cidade quatro a cinco dias, que visitar cinco cidades em uma semana. Uma cidade é uma mulher caprichosa, precisa de tempo para ser seduzida e mostrar-se completamente.

9] Uma viagem é uma aventura.
Henry Miller dizia que é muito mais importante descobrir uma igreja que ninguém ouviu falar, que ir a Roma e sentir-se obrigado a visitar a Capela Sixtina, com duzentos mil turistas gritando nos seus ouvidos. Vá à capela Sixtina, mas deixe-se perder pelas ruas, andar pelos becos, sentir a liberdade de estar procurando algo que não sabe o que é, mas que – com toda certeza – irá encontrar e mudará a sua vida.

Texto extraído do livro de Paulo Coelho "Like a flowing river" também postado em seu blog.

A good friend of mine asked me how does soccer works when we were watching the last brazilian game, here it is a great and simple way of understanding it!

Soccer 101


Duration: 90 min ( 2 x 45 min )
Players: 11 in each team
Objective: to score as many goals as possible using any part of the body but the hands. Any player can score a goal.
Referee: the one who enforces the rules

Foul & misconduct

when a player hits another, three things may happen:
1]Free kick
2] Free kick + card ( Yellow= beware! Red = you are out! )
3] Penalty kick = if a defender uses the hand or if the foul happens in the marked area around the goal (white lines above). In this case, the ball is placed in a mark in front of the goalkeeper. When the penalty kick is taken, the only two players in the box are the penalty taker and the defending team’s goalkeeper. Everyone else must be outside the white lines.

The only complicated rule

The offside – when the striker is closer to the opposing team’s goal than that team’s last defender. Meaning: you need an adversary to make it worth your effort!

Post Published on Paulo Coelho's blog

History being made right now!!!!

I am not a huge fan of Tennis, but check history in the making, the longest Tennis match ever is happening right now, is already over 8,5 hours, the 5th set alone is already longer than the longest game before this one!

Worth to check!

História sendo feita agora!!!

Eu não sou um grande fã de Tenis, mas deêm uma olhada em história sendo feita, o mais longo jogo de tenis esta acontecendo agora, ja passa das 8,5 horas, e o quinto set sozinho já é mais longo que o segundo jogo mais longo!

Vale a pena conferir!

Escolhas de Uma Vida

Texto enviado por Berenice Ramos pro Blog do Caminho, gostei e to postando aqui, obrigado.

A certa altura do filme Crimes e Pecados, o personagem interpretado por Woody Allen diz: "Nós somos a soma das nossas decisões".

Essa frase acomodou-se na minha massa cinzenta e de lá nunca mais saiu. Compartilho do ceticismo de Allen: a gente é o que a gente escolhe ser, o destino pouco tem a ver com isso.

Desde pequenos aprendemos que, ao fazer uma opção,estamos descartando outra, e de opção em opção vamos tecendo essa teia que se convencionou chamar "minha vida".

Não é tarefa fácil. No momento em que se escolhe ser médico, se está abrindo mão de ser piloto de avião. Ao optar pela vida de atriz, será quase impossível conciliar com a arquitetura. No amor, a mesma coisa: namora-se um, outro, e mais outro, num excitante vaivém de romances. Até que chega um momento em que é preciso decidir entre passar o resto da vida sem compromisso formal com alguém, apenas vivenciando amores e deixando-os ir embora quando se findam, ou casar, e através do casamento fundar uma microempresa, com direito a casa própria, orçamento doméstico e responsabilidades.

As duas opções têm seus prós e contras: viver sem laços e viver com laços...

Escolha: beber até cair ou virar vegetariano e budista? Todas as alternativas são válidas, mas há um preço a pagar por elas.

Quem dera pudéssemos ser uma pessoa diferente a cada 6 meses, ser casados de segunda a sexta e solteiros nos finais de semana, ter filhos quando se está bem-disposto e não tê-los quando se está cansado. Por isso é tão importante o auto conhecimento. Por isso é necessário ler muito, ouvir os outros, estagiar em várias tribos, prestar atenção ao que acontece em volta e não cultivar preconceitos. Nossas escolhas não podem ser apenas intuitivas, elas têm que refletir o que a gente é. Lógico que se deve reavaliar decisões e trocar de caminho: Ninguém é o mesmo para sempre.

Mas que essas mudanças de rota venham para acrescentar, e não para anular a vivência do caminho anteriormente percorrido. A estrada é longa e o tempo é curto.Não deixe de fazer nada que queira, mas tenha responsabilidade e maturidade para arcar com as conseqüências destas ações.

Lembrem-se: suas escolhas têm 50% de chance de darem certo, mas também 50% de chance de darem errado. A escolha é sua...!

Pedro Bial

Mama acabou de embarcar e me deixou "orfão" de novo então resolvi deixar um recadinho aqui pra ela.

"Hopefully" ela vai ler loguinho!!!

Foram, acredito, que 26 dias de pura curtição, não curtição de baladas e sim eu curtindo minha mãe, no fim não fizemos muito além de compras, praia, compras, restaurantes, compras, caminhadas, compras, passeamos de Tracy e de Rebecca, mais compras e uma gostosa viagem pro Caribe, mais especificamente Bahamas, no fim ela saiu daqui com exatamente 90 quilos de bagagem, não, não é brincadeira ela saiu daqui com duas malas de 33 quilos, uma de 15 quilos e uma mochila nas costas de 10 quilos!!!! O problema foi que ela deixou muita saudade e a contínúa sensação de que podíamos fazer muito mais coisas, aliás, essa sensação eu sempre tenho quando alguém vem me visitar, mas quando é minha Mãe ou meu Pai é como seu eu nunca conseguisse fazer o que eles merecem! A realidade é que não acredito que um dia serei capaz de me sentir satisfeito, afinal de contas eles me deram TUDO o que eu precisei por todos esses anos, me amaram e me educaram e da melhor forma possivel me ajudaram a me tornar quem eu sou, que lógico, com algumas, ou melhor muitas, falhas posso dizer que me orgulho de quem hoje sou.

Mama e Pai, muito obrigado por tudo, tudo mesmo! A unica coisa que não gosto é esse pequeno e constante vazio no coração que as vezes fica muito grande, a parte boa é que sempre que esse vazio cresce um de vocês vem me visitar e diminui a distância mais uma vez! Portanto, mais uma vez, muito obrigado!

Amo vocês

About this blog

Beach House is a place where I go for all the stuff that makes me happy. Is not always sunny at the beach but we will always have the beach house, a place that always bring family and friends closer even when they are distant. I hope you enjoy your time at the beach. A casa da praia é um lugar que eu vou para todas as coisas que me fazem feliz. Nem sempre tem sol na praia mas a casa da praia vai estar sempre lá, um lugar que sempre coloca família e amigos mais próximos mesmo quando estão distantes. Espero que aproveite seu tempinho aqui na praia.

About Me

My photo
From the 4th biggest city in the world, living in USA for the last four and half years, worked as bunch of things but now in love with the HR field.

Followers

Share IT

Hit Me