A good friend of mine asked me how does soccer works when we were watching the last brazilian game, here it is a great and simple way of understanding it!

Soccer 101


Duration: 90 min ( 2 x 45 min )
Players: 11 in each team
Objective: to score as many goals as possible using any part of the body but the hands. Any player can score a goal.
Referee: the one who enforces the rules

Foul & misconduct

when a player hits another, three things may happen:
1]Free kick
2] Free kick + card ( Yellow= beware! Red = you are out! )
3] Penalty kick = if a defender uses the hand or if the foul happens in the marked area around the goal (white lines above). In this case, the ball is placed in a mark in front of the goalkeeper. When the penalty kick is taken, the only two players in the box are the penalty taker and the defending team’s goalkeeper. Everyone else must be outside the white lines.

The only complicated rule

The offside – when the striker is closer to the opposing team’s goal than that team’s last defender. Meaning: you need an adversary to make it worth your effort!

Post Published on Paulo Coelho's blog

History being made right now!!!!

I am not a huge fan of Tennis, but check history in the making, the longest Tennis match ever is happening right now, is already over 8,5 hours, the 5th set alone is already longer than the longest game before this one!

Worth to check!

História sendo feita agora!!!

Eu não sou um grande fã de Tenis, mas deêm uma olhada em história sendo feita, o mais longo jogo de tenis esta acontecendo agora, ja passa das 8,5 horas, e o quinto set sozinho já é mais longo que o segundo jogo mais longo!

Vale a pena conferir!

Escolhas de Uma Vida

Texto enviado por Berenice Ramos pro Blog do Caminho, gostei e to postando aqui, obrigado.

A certa altura do filme Crimes e Pecados, o personagem interpretado por Woody Allen diz: "Nós somos a soma das nossas decisões".

Essa frase acomodou-se na minha massa cinzenta e de lá nunca mais saiu. Compartilho do ceticismo de Allen: a gente é o que a gente escolhe ser, o destino pouco tem a ver com isso.

Desde pequenos aprendemos que, ao fazer uma opção,estamos descartando outra, e de opção em opção vamos tecendo essa teia que se convencionou chamar "minha vida".

Não é tarefa fácil. No momento em que se escolhe ser médico, se está abrindo mão de ser piloto de avião. Ao optar pela vida de atriz, será quase impossível conciliar com a arquitetura. No amor, a mesma coisa: namora-se um, outro, e mais outro, num excitante vaivém de romances. Até que chega um momento em que é preciso decidir entre passar o resto da vida sem compromisso formal com alguém, apenas vivenciando amores e deixando-os ir embora quando se findam, ou casar, e através do casamento fundar uma microempresa, com direito a casa própria, orçamento doméstico e responsabilidades.

As duas opções têm seus prós e contras: viver sem laços e viver com laços...

Escolha: beber até cair ou virar vegetariano e budista? Todas as alternativas são válidas, mas há um preço a pagar por elas.

Quem dera pudéssemos ser uma pessoa diferente a cada 6 meses, ser casados de segunda a sexta e solteiros nos finais de semana, ter filhos quando se está bem-disposto e não tê-los quando se está cansado. Por isso é tão importante o auto conhecimento. Por isso é necessário ler muito, ouvir os outros, estagiar em várias tribos, prestar atenção ao que acontece em volta e não cultivar preconceitos. Nossas escolhas não podem ser apenas intuitivas, elas têm que refletir o que a gente é. Lógico que se deve reavaliar decisões e trocar de caminho: Ninguém é o mesmo para sempre.

Mas que essas mudanças de rota venham para acrescentar, e não para anular a vivência do caminho anteriormente percorrido. A estrada é longa e o tempo é curto.Não deixe de fazer nada que queira, mas tenha responsabilidade e maturidade para arcar com as conseqüências destas ações.

Lembrem-se: suas escolhas têm 50% de chance de darem certo, mas também 50% de chance de darem errado. A escolha é sua...!

Pedro Bial

Mama acabou de embarcar e me deixou "orfão" de novo então resolvi deixar um recadinho aqui pra ela.

"Hopefully" ela vai ler loguinho!!!

Foram, acredito, que 26 dias de pura curtição, não curtição de baladas e sim eu curtindo minha mãe, no fim não fizemos muito além de compras, praia, compras, restaurantes, compras, caminhadas, compras, passeamos de Tracy e de Rebecca, mais compras e uma gostosa viagem pro Caribe, mais especificamente Bahamas, no fim ela saiu daqui com exatamente 90 quilos de bagagem, não, não é brincadeira ela saiu daqui com duas malas de 33 quilos, uma de 15 quilos e uma mochila nas costas de 10 quilos!!!! O problema foi que ela deixou muita saudade e a contínúa sensação de que podíamos fazer muito mais coisas, aliás, essa sensação eu sempre tenho quando alguém vem me visitar, mas quando é minha Mãe ou meu Pai é como seu eu nunca conseguisse fazer o que eles merecem! A realidade é que não acredito que um dia serei capaz de me sentir satisfeito, afinal de contas eles me deram TUDO o que eu precisei por todos esses anos, me amaram e me educaram e da melhor forma possivel me ajudaram a me tornar quem eu sou, que lógico, com algumas, ou melhor muitas, falhas posso dizer que me orgulho de quem hoje sou.

Mama e Pai, muito obrigado por tudo, tudo mesmo! A unica coisa que não gosto é esse pequeno e constante vazio no coração que as vezes fica muito grande, a parte boa é que sempre que esse vazio cresce um de vocês vem me visitar e diminui a distância mais uma vez! Portanto, mais uma vez, muito obrigado!

Amo vocês

About this blog

Beach House is a place where I go for all the stuff that makes me happy. Is not always sunny at the beach but we will always have the beach house, a place that always bring family and friends closer even when they are distant. I hope you enjoy your time at the beach. A casa da praia é um lugar que eu vou para todas as coisas que me fazem feliz. Nem sempre tem sol na praia mas a casa da praia vai estar sempre lá, um lugar que sempre coloca família e amigos mais próximos mesmo quando estão distantes. Espero que aproveite seu tempinho aqui na praia.

About Me

My photo
From the 4th biggest city in the world, living in USA for the last four and half years, worked as bunch of things but now in love with the HR field.

Followers

Share IT

Hit Me