Texto enviado pela irmã mais maravilhosa do mundo!!!! Tata valeu pela colaboração!



Relacionamentos

Sempre acho que namoro, casamento, romance, tem começo, meio e fim. Como tudo na vida. Detesto quando escuto aquela conversa:
- Ah, terminei o namoro...
- Nossa, estavam juntos há tanto tempo...
- Cinco anos.... que pena... acabou...
- é... não deu certo...
Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou. E o bom da vida, é que você pode ter vários amores.
Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se somam. Às vezes você não consegue nem dar cem por cento de você para você mesmo, como cobrar cem por cento do outro? E não temos essa coisa completa. Às vezes ela é fiel, mas é devagar na cama. Às vezes ele é carinhoso, mas não é fiel. Às vezes ele é atencioso, mas não é trabalhador. Às vezes ela é muito bonita, mas não é sensível.Tudo junto, não vamos encontrar. Perceba qual o aspecto mais importante para você e invista nele.Pele é um bicho traiçoeiro. Quando você tem pele com alguém, pode ser o papai com mamãe mais básico que é uma delícia. E às vezes você tem aquele sexo acrobata, mas que não te impressiona... Acho que o beijo é importante... e se o beijo bate... se joga... se não bate... mais um Martini, por favor... e vá dar uma volta. Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra. O outro tem o direito de não te querer. Não brigue, não ligue, não dê pití. Se a pessoa tá com dúvidas, problema dela, cabe a você esperar... ou não. Existe gente que precisa da ausência para querer a presença. O ser humano não é absoluto. Ele titubeia, tem dúvidas e medos, mas se a pessoa realmente gostar, ela volta. Nada de drama. Que graça tem alguém do seu lado sob pressão? O legal é alguém que está com você, só por você. E vice-versa. Não fique com alguém por pena. Ou por medo da solidão. Nascemos sós. Morremos sós. Nosso pensamento é nosso, não é compartilhado. E quando você acorda, a primeira impressão é sempre sua, seu olhar, seu pensamento.Tem gente que pula de um romance para o outro. Que medo é este de se ver só, na sua própria companhia? Gostar dói. Muitas vezes você vai sentir raiva, ciúmes, ódio, frustração... Faz parte. Você convive com outro ser, um outro mundo, um outro universo. E nem sempre as coisas são como você gostaria que fosse... A pior coisa é gente que tem medo de se envolver. Se alguém vier com este papo, corra, afinal você não é terapeuta. Se não quer se envolver, namore uma planta. É mais previsível. Na vida e no amor, não temos garantias. Nem toda pessoa que te convida para sair é para casar. Nem todo beijo é para romancear. E nem todo sexo bom é para descartar... ou se apaixonar... ou se culpar... Enfim...quem disse que ser adulto é fácil ????

Arnaldo Jabor (Dizer que é do Jabor e ser do Jabor nos dias de hoje é meio complicado, mas recebi como sendo de sua autoria!)


Quando entusiastas de corridas falam sobre qual o melhor piloto de Fórmula 1 de todos os tempos, o debate geralmente envolve estatísticas. Quem conseguiu subir em mais podiums? Quem teve o maior número de voltas mais rápidas? Quem ganhou o maior número de campeonatos? Michael Schumacher é, claramente, o melhor pois ganhou o maior número de corridas, o maior número de pole positions e o maior número de títulos, 7. Ou talvez ele não seja o melhor. Talvez, seja Juan Manuel Fangio pois ganhou 5 títulos sem se matar como acontecia em sua época. E também ele não assassinou seu legado voltando fracamente ao grid depois de se aposentar. Mas por todo esse rancor o argumento normalmente é só uma comparação desses dois pilotos. Mas se me basear apenas em fatos, Ayrton Senna da Silva, o Brasileiro 3 vezes campeão do mundo que, em 1994, foi o último piloto a morrer em um carro de F1, pertence a categoria de segundo colocados. Que definitivamente não é ruim pois esta em companhia de Jackie Stewart, Jack Brabham and Nelson Piquet - porém não é o melhor.

Eu humildemente envio minha própria opinião sobre o assunto, opinião que com certeza divido com os produtores do novo documentário que recentemente estreiou no Sundance Festival desse ano chamado, simplesmente de Senna. Eu não pude assistir o filme ainda, mas eu aposto que estaria fazendo o mesmo que eu, chateando companhias de jantares por anos: Senna foi o maior piloto de corrida de todos os tempos pois possuia a maior constelação de dons. Seus títulos foram meras consequências disso.

Ele era um competidor diabolicamente feroz (lutando com o outrora companheiro de equipe Alain Prost pra roubar o título de 1990), e um adestrador de asfaltos molhados (famosamente ultrapassando 4 competidores na primeira volta de um encharcado GP de Donnington Park em 1993). Ele possuia uma nunca vista maestria no disco de fricção e tinha uma habilidade sobrenatural de sentir exatamente quanta aderência ele podia dedicar às curvas, aceleração ou frenagem. Ele estava no limite o tempo todo - Eu lembro de sua Lotus dançando maniacamente na reta dos fundos de Detroit.

Senna encontrou espaços vazios e velocidade que ninguém mais conseguiu. Ele qualificou a pole em Mônaco escandalosos 1.4 segundos na frente de Prost. Somente Senna conseguia dominar Prost dessa forma, e somente ele podia fazer o brilhante chefe da equipe de seu rival parecer preguiçoso e não imaginativo. 

Comparado com seu rival, o meticulosamente consistente Prost era tinta para números. Senna era Picasso. Para mim, ele é e sempre será "The One".

E mesmo no passado, seu nome ainda vive na Fórmula 1: em Fevereiro deste ano, o sobrinho de Ayrton Senna, Bruno, piloto de testes da Lotus-Renault - a mesma combinação chassis-motor que seu tio pilotava em 85-86- quase pegou o lugar do machucado Robert Kubica. A vaga acabou indo para o veterano Nick Heidfeld. Ayrton uma vez disse, "Se você acha que sou rápido, espere até ver meu sobrinho Bruno." Aqui estou eu na esperança que ele tenha acesso a um carro de verdade.

Carta do Editor chefe da revista Car and Driver de Maio de 2011 (tradução Kahoe Fernandes)

Acredito que para nós Brasileiros ele sempre será o melhor, homenagem e reconhecimento a um dos homens que nos trouxe inesquecíveis emoções!

About this blog

Beach House is a place where I go for all the stuff that makes me happy. Is not always sunny at the beach but we will always have the beach house, a place that always bring family and friends closer even when they are distant. I hope you enjoy your time at the beach. A casa da praia é um lugar que eu vou para todas as coisas que me fazem feliz. Nem sempre tem sol na praia mas a casa da praia vai estar sempre lá, um lugar que sempre coloca família e amigos mais próximos mesmo quando estão distantes. Espero que aproveite seu tempinho aqui na praia.

About Me

My photo
From the 4th biggest city in the world, living in USA for the last four and half years, worked as bunch of things but now in love with the HR field.

Followers

Share IT

Hit Me