Bom,

Aqui vai a música de um grande amigo. Quando ouvi pela primeira vez o Pit me contou todo o motivo da letra, portanto a música se tornou bastante especial. Da última vez que estive no Brasa filmei o Pit tocando violão e cantando e o Vitinho no bongô porém o som ficou muito baixo, posto aqui depois.

Pra quem quiser, a página do pit é http://www.myspace.com/felipelafe, isso mesmo, Felipe Lafé é o nome do Pit.

Me Sinto Estranho.
Hoje me sinto tão estranho
Hoje não amo, nem odeio
Penso na guerra nas pessoas
Penso na minha ex namorada
Penso em tantas coisas
E não consigo sentir nada
Nada, nada, que me faça sentir
Nada que me faz sentir

A minha carne ja não sente
O toque carinhoso
A minha face já nem lembra
Aquele tapa violento
Estou dormente e não sinto nada
Nada, nada que me faça sentir
E nada que me faça sentir


Parece até meio estranho
Mas se hoje eu morrer
Não faria grande falta
Não pra mim, talvez para você
Não estarei aqui para sentir
Sentir ôôô
Sentir ôôô
Sentir

Texto enviado por alguém MUITO maravilhosa - Valeu Tata, te amo!

Nosso coração é uma casa onde ninguém entra e sai, com ou sem nossa permissão, sem deixar marcas nas paredes. Muitos deixam marcas profundas de felicidade; outros deixam cicatrizes que marcarão nossa vida para sempre. Os amigos deixam marcas fortes, mas suaves. E cada vez que tocamos nossa alma com nossas recordações lá estão os traços, invisíveis, mas legíveis, como as escrituras em Braile. É suficiente fechar os olhos para ver toda uma história gravada nas paredes do nosso ser. Nesses momentos nosso rosto sorri sozinho. Os amores perdidos deixam marcas irrecuperáveis: eles deixam um gosto doce e amargo ao mesmo tempo. Amargo na maioria das vezes. Sim, eles têm mais gosto que qualquer outra coisa e sempre sobem a nossa garganta quando as lembranças nos assaltam. Tristes são as marcas das dores que deixaram os que nos fizeram mal. São as cicatrizes que deformam nossas vidas se não aprendemos a conviver com elas. Mesmo se queremos ir adiante, de vez em quando nosso olhar se volta para esses rabiscos mal traçados e sentimos a dor tal e qual no primeiro dia. Quantas vezes não impedimos que alguém entre por causa de preconceitos ou idéias pré-concebidas, ou medo de tentar de novo uma nova relação. Ao primeiro olhar, nos trancamos. Outras vezes, sem muita consciência, deixamos entrar quem não valia muito a pena. Somos maus juízes porque confiamos demais nos nossos olhos e de menos no nosso coração. Devemos pedir a Deus que nos dê um pouco mais de dicernimento, pois agindo por nós mesmos, podemos estar nos trancando a maravilhosos encontros. De vez em quando, é preciso fazer uma boa faxina nessa casinha tão preciosa. É preciso polir carinhosamente, realçar as marcas bonitas e passar tinta nova e clara nas paredes; de vez em quando é bom abrir as janelas e deixar que o sol entre e ilumine todos os cômodos. E enfeitar com as janelas com flores de cores vivas e alegres. De vez em quando é mesmo muito importante achar o cantinho mais gostoso dessa casa e sentar-se nele. E rir do nada. E jogar os ressentimentos para bem longe. Sentir-se bem consigo. Se nosso coração é uma casa, faça do seu a casa dos seus sonhos. Lembre-se que não importa quantos entram e saem, você é o dono, só você é responsável. Faça mudanças necessárias. Jogue o inútil no lixo. Só não se esqueça, nessa mudança, de colocar de volta nas paredes essas marcas benditas que deixaram esses que foram bênçãos na sua vida. Dê a mão aos doces momentos, os momentos felizes. Tudo o mais é inútil, tudo o mais deve ficar pra trás.
Lethicia Thompson


Não estava afim de entrar pra discussão política e nem inspirado pra escrever algo todo meu, foi então que encontrei uma manchete do Estado de São Paulo!!!

Bom, caminhoneiros, motoqueiros, motoristas, e qualquer um que possua um carro, tomem cuidado, podem ser presos por atropelarem galinhas que cruzam estradas estaduais sem olhar para os dois lados, que não usam as passarelas ou que queiram intencionalmente se suicidar, basta ter uma promotora de justiça filha da XXXX como testemunha.

"O caminhoneiro Alexandre do Prado terá de se explicar à Justiça pelo atropelamento de duas galinhas. O acidente ocorreu na sexta-feira, 15, na rodovia RST-480, entre Erechim e São Valentim, no norte do Rio Grande do Sul, e foi testemunhado pela promotora Karina Denicol, que levou o caso à polícia e vai passá-lo a algum colega para oferecimento de transação penal.
O motorista alega que as aves correram repentinamente do acostamento para dentro da pista. Também explica que, diante das circunstâncias, reduziu a velocidade, mas não jogou o caminhão para o lado porque poderia tombá-lo. A promotora entende que o atropelamento foi proposital. Prado assinou um termo circunstanciado na delegacia e poderá se livrar do processo se, em audiência marcada para novembro, aceitar a transação penal. Nesse caso é possível que tenha de fazer uma doação a alguma entidade assistencial ou prestar algum trabalho comunitário."

Agora só pra não ficar de fora da discussão política, É TUDO CULPA DA DILMA!

Beijos e estou de volta.

There are few things pure in this world anymore, and home is one of the few
We'd have a drink outside maybe run and hide, if we saw a couple men in blue
But to me it's so damn easy to see that your people are the people at home
Well I been away but now I'm back today and there ain't a place I'd rather go

I feel home when I see the faces that remember my own
I feel home when I'm chillin outside with the people I know
I feel home, and that's just what I feel
Cause home, to me, is reality and all I need is something real

We're feeling alright headin out tonight maybe off to a dark driveway
I say now, some feel bored, and some are looking for more, but we all just decide to stay
We got nothing to do, but when I look at you I see something that I know and love
And with the crack of a smile we all stay awhile, we know from home their ain't nothin above

Well in the end, we can all call a friend, well that's something that I know as true
In a thousand years, and a thousand tears, I'll come finding my original crew
Cause to me throughout eternity there is somewhere we are welcome to go
I said it's something free that means a lot to me, when I'm with my friends I feel home

I feel home when I see the faces that remember my own
I feel home when I'm chillin outside with the people I know
I feel home, and that's just what I feel
Cause home, to me, is reality and all I need is something real
Home to me is reality and all I need is something real, I feel home

About this blog

Beach House is a place where I go for all the stuff that makes me happy. Is not always sunny at the beach but we will always have the beach house, a place that always bring family and friends closer even when they are distant. I hope you enjoy your time at the beach. A casa da praia é um lugar que eu vou para todas as coisas que me fazem feliz. Nem sempre tem sol na praia mas a casa da praia vai estar sempre lá, um lugar que sempre coloca família e amigos mais próximos mesmo quando estão distantes. Espero que aproveite seu tempinho aqui na praia.

About Me

My photo
From the 4th biggest city in the world, living in USA for the last four and half years, worked as bunch of things but now in love with the HR field.

Followers

Share IT

Hit Me